Russo viciado em tatuagens remove o seu pénis por “arruinar o seu aspeto”

Não sabemos mesmo em que é que Adam Curlykale estava a pensar quando decidiu fazer isto e se calhar é melhor nem sequer sabermos.

De acordo com o Metro, Curlykale é um homem russo de 32 anos de idade que tem 90% do seu corpo coberto por tinta preta. Depois de os médicos o terem diagnosticado com albinismo, ele decidiu começar a fazer tatuagens porque o seu tom de pele o tinha deixado com depressão…

“Eu sempre soube que era diferente do resto da sociedade”, explicou Curlykyle. “A minha cor favorita, por exemplo, foi sempre o cinzento, em tons diferentes, e é por isso que a minha cor de pele atual é grafite”.

Curlykale decidiu também tatuar os olhos e desde então, “por arruinar o seu aspeto”, decidiu viajar até ao México para remover o seu pénis e testículos. Ah, e também os seus mamilos.

A nulificação é uma forma de modificação corporal extrema que envolve a remoção dos genitais e/ou os mamilos. O que achas da decisão de Curlykale?