Padre hospitalizado para remoção de crucifixo no seu ânus

Um padre Católico de 57 anos deu entrada no Boston Medical Center na semana passada sob circunstâncias verdadeiramente embaraçosas.

Wendel O’Connor foi parar ao hospital depois de ter chamado o INEM, afirmando que havia caído no banho e que ficou com um crucifixo de 25 centímetros preso na sua cavidade anal! A radiografia ao abdómen demonstrou que ele tinha mesmo o símbolo religioso preso pelo recto acima.

O médico James Shephard, que ficou encarregue de resolver a situação, ficou chocado quando viu o que viu nos raios-X: “Sendo um católico, achei muito perturbador ver tal objecto na cavidade anal dele. Fiquei chocado, como é que é possível alguém amar Jesus assim tanto?”

Depois de uma cirurgia de 8 horas extremamente delicada, os médicos conseguiram extrair o crucifixo. Os médicos admitiram que foram necessárias algumas incisões para o ânus do paciente ficar um pouco maior, para que fosse possível tirar o crucifixo.

O Dr. Shephard diz que foi uma das cirurgias mais complexas que ele já realizou na sua carreira.

O padre Wendel O’Connor não quis responder a qualquer questão, alegando que se tratou apenas de “um acidente durante o banho” e que não houve “nada de sexual” na situação.

A verdade é que todos os anos existem cerca de 5,687 americanos a irem parar ao hospital por terem objectos presos nas suas cavidades anais. Em outubro de 2016, uma rapariga teve que ser operada para lhe tirarem um enorme vibrador do ânus.

Em 2015, um americano de 27 anos foi submetido a uma cirurgia de cinco horas por ter uma garrafa presa na sua cavidade anal.

Não é assim tão incomum…

Fonte: Crazy News