Os casais que bebem álcool juntos têm mais tendência a permanecer juntos!

Há coisas que fazes com o teu namorado/a que rompem aquela barreira do incómodo e que, eventualmente, acabam por acontecer e por contribuir para a solidez de uma relação a longo prazo.

Coisas como conhecer os sogros, o primeiro peido à frente dele/a ou, como demonstra este estudo, beberem juntos…

Pois é. A investigação foi publicada pelo Journal of Gerontology e encarregou-se de analisar os matrimónios americanos entre pessoas com mais de 50 anos, analisando também os seus hábitos de bebida.

A conclusão, como indica o título do artigo, foi que os casais que bebem juntos são mais propícios a permanecer juntos. A verdade é que há, também, mulheres a sentirem-se insatisfeitas com o facto de elas beberem e do companheiro permanecer sóbrio…

A doutorada Kira Birditt, da Universidade de Michigan, não está muito segura do estudo, no entanto. Ela sugere que não se trata de beber mas sim de passar tempo de qualidade junto com o companheiro/a.

Basicamente, o estudo consistiu em inquirir 4864 casais, todos eles com mais de cinquenta anos, sobre os seus hábitos de bebida. A investigação durou 10 anos (desde 2006 a 2016) e foram obtidos dados acerca da quantidade de álcool ingerido por mês de cada elemento do casal, e se o bebiam em conjunto ou a sós.

Concluiu-se que mais de metade dos casais que já estão juntos há mais de 33 anos, acompanhavam-se um ao outro na bebida. Os maridos são mais dados a beber do que as mulheres, de acordo com os dados obtidos, mas se elas beberem sem eles demonstram-se insatisfeitas.

O estudo também não é um convite para beberem 24/7 pois, como Birditt explica, há um elevado grau de alcoolismo nas pessoas mais velhas. Prudência!