Mulher viciada em sexo torna-se celibatária, depois de ter perdido a virgindade aos 12 anos e de ter feito sexo com cerca de 200 homens

Laurie tem 30 anos de idade e depois de ter confessado ser viciada em sexo, disse que tornar-se mãe foi o que a fez tornar-se celibatária. Ela explicou como conseguiu ultrapassar o vício pelo sexo, que começou muito, muito cedo, dado que ela perdeu a virgindade aos 12 anos de idade…

Até ao ano passado, Laurie afirmou abertamente que dormia com vários estranhos todas as semanas. Em conversa com o Sun, ela explicou: “Já perdi a conta do número de homens com quem dormi, mas certamente está entre os 100 e os 200 homens. E nunca me sentia saciada. Quando percebi que esse meu estilo de vida e que esse meu vício estavam a afectar o meu filho Henry, comecei a procurar por ajuda”.

Agora, Lauren escreveu um livro, intitulado Diary Of A Sex Addict, baseado unicamente na sua vida.

A sua vida sexual começou muito cedo, sendo que ela perdeu a virgindade aos 12 anos de idade e teve o primeiro namorado um ano depois. Ela explicou: “Eu era menor de idade por isso foi errado, mas desde cedo senti que era muito sexual. Eu gostava quer de rapazes, quer de raparigas e não podia esperar para começar a namorar”. Disse também que a sua compulsão cresceu quando ela entrou na casa dos 20.

Ela disse: “Muitas vezes saía com os meus amigos e amigas e sabia que tinha de acabar a noite com sexo, porque precisava. Uma vez, um ex-namorado meu levou-me a uma grande festa de sexo em Liverpool onde me viu a ter sexo com seis homens ao mesmo tempo. Eu dormia com vários homens por semana como se nada fosse e às tantas, sentia-me sem poder sobre mim, porque deixava-me sempre levar”.

Para além disso, disse que sempre teve dificuldades em encontrar um companheiro para um relacionamento a longo prazo e afirma que teve seis grandes relacionamentos mas que “os homens não sabem lidar com relações abertas”.

Felizmente, conseguiu encontrar uma saída.