Mulher grávida encontra uma segunda mulher para o seu marido, para que ela possa cuidar do bebé

A poligamia nos relacionamentos não é algo tão incomum assim, ainda que seja olhada de lado pela sociedade, de forma geral. Afinal de contas, o compromisso numa relação, especialmente no casamento, é suposto ser partilhado por duas pessoas. Mas no caso desta mulher oriunda da Malásia, as coisas não funcionam assim: na verdade, ela acredita que o seu marido necessita de uma segunda mulher, tudo porque ela sozinha não consegue satisfazer as necessidades dele por estar grávida…

Khuzatul Atiqah está casada com Samuel Dzul desde o ano de 2011 e se tu pensas que ter outra mulher para satisfazer o teu marido é uma ideia de loucos, Atiqah fê-lo.

A mulher de Samuel pensou que ter outra mulher lá em casa podia ser benéfico para toda a gente. Em 2018, Atiqah conheceu uma mãe solteira chamada Nur Fathonah nas redes sociais e eventualmente, ambas tornaram-se próximas. Depois, Atiqah sugeriu que Fathonah se casasse com o seu marido. Depois de muita persuasão, ela acordou e hoje, os três são uma família e Fathonah ajuda a cuidar do bebé!

Atiqah admitiu que sempre foi contra a poligamia mas o cenário parece ter mudado…

O que dizer?