Mulher foi condenada a pagar 7.450 dólares por ter feito falsas acusações de assédio

Uma mulher acusou um homem de a assediar num bar em Pamplona, Espanha, mas as gravações das câmaras de segurança acabaram por descobrir que as acusações por ela feitas eram completamente falsas.

Agora, a mulher em questão terá de pagar uma multa no valor de 7.450 dólares, para além de ter de pagar uma indemnização de 12.000 dólares ao homem em questão por danos morais.

Tudo isto aconteceu no dia 9 de julho do verão passado, nas festas típicas espanholas conhecidas como Sanfermines, num bar. A mulher foi sair com uns amigos e acabou por se gerar confusão entre ela e outro grupo que lá estava.

Perante as autoridades, a mulher declarou que foi vítima de abusos sexuais: “Aquele homem assediou-me, chegou mesmo a tocar-me na zona genital”, disse ela.

Graças a estas declarações, o acusado, de nacionalidade francesa, foi levado para a esquadra e passou mesmo dois dias na prisão.

A polícia acabou por pedir as gravações das câmaras de segurança do bar e chegou-se à conclusão de que tudo o que a mulher havia dito não era mais do que uma grande farsa.

Incrível.