Modelo do Instagram é processada por “assediar sexualmente” um cão durante sessão fotográfica

O fotógrafo Tony Toutouni está a processar a modelo do Instagram Deyana Mounira por assediar sexualmente o seu cão Hef durante uma sessão fotográfica. Tony diz que a modelo “começou a brincar de forma sensual com Hef, fazendo-o brincar com os seus genitais e masturbando-o”.

Agora, está a processá-la por assédio ao cão e está mesmo a pedir cerca de 1.5 milhões de dólares devido aos danos causados. Nos vídeos do “behind the scenes” da sessão, podemos ver Deyana a dançar com o cão enquanto ele tenta nitidamente pular-lhe para cima.

Confere:

A modelo publicou o vídeo nas suas redes sociais, mesmo com o fotógrafo a pedir-lhe que não o fizesse. Tony disse: “Pedi-lhe corretamente que não publicasse o vídeo porque acho o comportamento perturbador. Estas ‘instamodels’ precisam de começar a respeitar os outros. E ela precisa de uma lição”.

Na descrição, Deyana disse que foi o fotógrafo que encorajou o cão a ir para cima dela. Tony, por sua vez, afirma que ela utilizou o seu cão unicamente para ter mais seguidores…

Surreal…