Médico constrói máquina que ajuda as pessoas a morrerem em 5 minutos

Um médico criou uma máquina que permite que as pessoas morram deliberadamente, num processo completamente indolor e que demora aproximadamente 5 minutos.

O Dr. Philip Nitschke, já referido como “Dr. Death”, criou o Sarco, um aparelho que permite que as pessoas morram quando quiserem. Ele é fundador da Exit International – uma organização que promove a eutanásia voluntária. O médico acredita que todos devem ter uma palavra a dizer nesta matéria.

Assim, explicou que o direito a morrer é também um direito humano, daí ter desenvolvido uma máquina que dá às pessoas a oportunidade de falecerem em paz.

O Sarco pode ser imprimido com impressoras 3D e utiliza nitrogénio líquido para matar a pessoa em questão.

É uma cápsula, responsável por administrar o gás que mata a pessoa num processo que dura 5 minutos. O gás enche a cápsula e vai cortando o oxigénio, num processo completamente pacífico.

Existem mecanismos de segurança no aparelho e o utilizador pode parar o processo a qualquer momento, até ao momento em que acaba por perder a consciência. O Sarco tem atraído a atenção de muitos países da Europa mas é óbvio que tudo isto gerou controvérsia.

Apesar de muita gente concordar com a medida, Nitschke explicou que quem discorda explica que não existe um ‘suicídio racional’, uma vez que quem quer cometer suicídio não pode estar bem em termos psicológicos. Ainda assim, o médico não concorda.

O médico explica que se alguém se quiser matar, não devia existir nada a impedir essa mesma pessoa de o fazer. Assim, na sua mente, o seu trabalho foi criar uma “passagem” pacífica.

Concordas?