A estranha razão pela qual as pessoas ficam vermelhas quando bebem álcool!

Dois copos de gin pela goela a dentro e de repente sentes-te no topo do mundo – a verdade é que acabas por parecer um tomate que perdeu um combate sangrento com um morango.

Provavelmente já reparaste nisso: a cara de algumas pessoas fica bem avermelhada quando elas bebem, e os efeitos vão bem para além do superficial, de acordo com o Buzzfeed Science.

Quando bebes álcool, uma enzima no teu corpo converte o álcool em etanal, significando más notícias para o teu corpo. Felizmente, outra enzima “contra-ataca” o etanal ao convertê-lo em acetato – que é, praticamente, vinagre.

Algumas pessoas têm um determinado gene que lhes dá uma enzima ALDH2 deficiente – a enzima que liberta o “veneno” do álcool – significando que o etanal metaboliza-se bem lentamente em acetato no corpo dessas pessoas.

Chama-se “Alcohol Flush Syndrome” e faz com que a tua pele se torne vermelha, bem como outros efeitos secundários, incluindo batimentos cardíacos mais rápidos, sentimento de desmaio, náuseas e até um risco acrescido de cancro no esófago.

O síndrome é genético e afecta cerca de 50% dos asiáticos do este, ou descendentes de coreanos, japoneses e chineses mas também alguns filipinos e vietnamitas.

No entanto, é mito de que as pessoas que ficam vermelhas quando bebem têm uma menor tolerância ao álcool e alguns
anti-histamínicos já conseguem contrariar esses efeitos secundários.

Sabias disto?