Este avariado apanhou uma barata e decidiu executá-la depois de ter criado uma mini cadeira elétrica

Esta barata foi morta de uma maneira muito diferente graças a este artista, que criou uma mini cadeira elétrica só para a ocasião.

O escultor Gabriel Tuazon executou a barata depois de ela ter aparecido na janela de sua casa em Pasig, nas Filipinas. Depois de a ter apanhado, passou duas horas a esculpir uma pequena cadeira em madeira, que conectada com alguns cabos de bateria deu aso a uma verdadeira cadeira elétrica.

Sinistro…

Gabriel foi chacinado nas redes sociais porque muita gente afirmou que aquilo era crueldade aos animais. “Como é que alguém pode achar isto aceitável?”, escreveu uma pessoa nas redes.

A verdade é que ninguém gosta de baratas mas será que era mesmo necessário criar uma cadeira elétrica de propósito para a executar? Normalmente o chinelo costuma resultar.

Ainda assim, ele justificou-se: “Abri a minha janela porque estava calor e acabou por entrar uma barata. Não era suposto ter entrado. Pensei em atingi-la mas não queria mesmo sujar a minha mesa de trabalho. Por isso, prendi-a viva utilizando um recipiente e comecei a ter ideias…”

Insólito.