Empregado de fábrica morre depois de colega lhe ter inserido ar comprimido no ânus através de um tubo

Um trabalhador de uma fábrica acabou por falecer tragicamente depois de um colega seu, que o costumava ajudar no seu trabalho, lhe ter inserido um tubo com ar comprimido pelo ânus acima, tendo ligado o aparelho de seguida.

Ravinder, de 40 anos, trabalhava numa fábrica de manufactura em Nangloi Jat, uma vila no norte da Índia.

A imprensa local reportou que Ravinder, que era regularmente gozado pelos colegas por ser meio desajeitado e utilizar roupas pouco usuais, foi atacado pelo seu colega de trabalho, Anjan Misra, quando se baixou para pegar num utensílio.

Alegadamente, Misra inseriu o tubo de ar comprimido dentro do ânus de Ravinder e ligou a máquina, o que gerou gargalhadas de imediato por parte dos outros colegas que se encontravam presentes.

O compressor de ar, que era utilizado para cortar grandes blocos de madeira – para terem noção da potência – provocou de imediato mazelas a Ravinder, que caiu de imediato, tendo colapsado posteriormente.

Consta-se que foi Ravinder que auxiliou Misra a começar a trabalhar naquela fábrica, inclusive. Ravinder ainda foi transportado para o hospital mas morreu a meio de um tratamento devido a hemorragias internas e danos causados a vários órgãos.

Não ficou claro se o incidente foi um exemplo de uma partida que correu mal ou se foi um caso extremo de bullying, o certo é que não podia ter terminado pior.

RIP Ravinder.