Chuck Norris põe fim à sua carreira para cuidar da sua esposa

Chuck Norris é um herói por excelência e, apesar de ser uma tristeza para todos os seus fãs, o actor decidiu mesmo colocar um ponto final na sua carreira para cuidar da sua esposa, Gena O’Kelley, que se encontra num estado crítico de saúde desde 2013.

Chuck começou mesmo uma batalha legal contra 11 empresas farmacêuticas que, de acordo com o actor, envenenaram a sua esposa com uma substância utilizada nas ressonâncias magnéticas.

Agora, Chuck Norris decidiu mesmo retirar-se do mundo do cinema para se dedicar por completo à mulher:

“Abandonei a minha carreira no cinema para dedicar a minha vida a manter Gena viva, isso é o mais importante, que ela continue connosco e que o que se passou com ela não se passe com mais ninguém”.

Há 4 anos atrás, Gena O’Kelly recebeu três injecções para facilitar a visibilidade de uma ressonância magnética, num exame para determinar de onde vinha a sua artrite reumatóide; agora, o casal menciona que uma das injecções continha gadolínio, um metal que danifica o organismo.

O gadolínio é um elemento metálico que funciona como agente de contraste em ressonâncias magnéticas mas, de acordo com diferentes estudos, traz danos para o corpo humano, mais especificamente para o cérebro, os pés e os ossos…

Ela piorou com o passar do tempo e agora Chuck Norris está numa luta judicialmente contra 11 empresas farmacêuticas devido à situação. Nos Estados Unidos da América, o gadolínio já foi utilizado em mais de 300 milhões de pacientes desde os anos 80.

Norris e a esposa mencionam que os danos são bem visíveis e que ela se encontra num estado crítico devido a isso mesmo: de momento, já gastaram mais de 2 milhões de dólares em tratamentos para contrariar os efeitos degenerativos…

Estamos seguros de que tudo ficará bem: afinal, há alguma coisa que o senhor Chuck Norris não possa ou consiga fazer?