Carro patrulha da marca Tesla fica sem bateria durante uma perseguição a alta velocidade

Carro patrulha da marca Tesla fica sem bateria durante uma perseguição a alta velocidade

Os polícias de Fremont, na Califórnia, só podem ter aprendido uma importante lição. De acordo com o que reportou a CBS San Francisco, os agentes da autoridade foram obrigados a parar uma perseguição a alta velocidade numa autoestrada depois do carro patrulha em questão, um Tesla Model S, ter ficado sem bateria.

“O Tesla não estava completamente carregado no início do turno”, explicou um dos agentes da autoridade à estação. “Infelizmente, isto acontece-nos de tempos em tempos, e até já chegámos a ficar sem gasolina em outros veículos. Normalmente acontece quando não se abastecem os carros no início de um turno”, concluiu.

Consta-se que a perseguição teve de ser cancelada e que a viatura circulava a cerca de 150 km/h quando começou a ficar sem bateria. O condutor, Jesse Hartman, disse que teve de interromper a perseguição para encontrar uma estação de carregamento nos arredores para que pudesse voltar à cidade”. Este veículo foi utilizado como parte de um teste para verificar se os veículos eléctricos são adequados para o uso dos mesmos por parte da polícia.

Felizmente, a bateria não é um problema. O chefe de esquadra Sean Washington disse ao East Bay Times: “Conseguimos facilmente fazer turnos de 11 horas com os veículos. É só uma questão de os carregar quando necessário”.

O que dizer?