Paramédicos pensavam que jovem tinha morrido num acidente mas era apenas um disfarce de Halloween

Paramédicos pensavam que jovem tinha morrido num acidente mas era apenas um disfarce de Halloween

Foi há poucos dias que os paramédicos chegaram ao local de um acidente numa estrada em Virgínia, nos Estados Unidos da América, e ao verem o cenário, pensaram realmente que a condutora, completamente “ensanguentada”, estivesse morta.

Mas não estava. Sidney Wolfe estava a voltar para casa depois de uma festa de Halloween e todo o suposto sangue que cobria o seu corpo era falso. A universitária estava mascarada de Carrie, de “Carrie, a estranha”, personagem de Stephen King levada ao cinema por Brian De Palma em 1976.

“Se queres saber como foi o meu fim de semana, eu destruí o meu carro quando estava mascarada de Carrie. Todos os que me socorreram achavam que eu estava morta HAHAHAHA, desculpem!”, escreveu Sidney no Twitter…

Que medo…