,

Pai paga 10.000€ a hipnoterapeuta para o filho deixar de ser do Sporting


 

Eis a triste história de Quim Zé, o homem oriundo de Ponte de Lima que nunca se conseguiu conformar com o facto de o seu filho ter nascido sportinguista. Quim Zé fora benfiquista a sua vida toda e quando o filho nasceu, fez dele sócio de imediato mas nem isso impediu o filho de seguir outro caminho na vida de crescido.

Acontece que o seu filho acabou por crescer e decidir que era do Sporting Clube de Portugal e Quim Zé não teve meias medidas: num ato de desespero (ou então minuciosamente calculado, dependendo do ponto de vista), ele vendeu a sua Ford Focus para conseguir juntar 10 mil euros com o intuito de pagar a um hipnoterapeuta que o fizesse deixar de ser do Sporting.

Esta história tem dois lados: por um, Quim Zé pode respirar de alívio pois, afinal de contas, o seu filho deixou efectivamente de ser adepto do Sporting e hoje em dia, considera a tatuagem que tem na perna a dizer “Tonel” descabida. Por outro lado, o seu clube de eleição hoje em dia não é o Benfica mas sim o renascido Estrela da Amadora…

Pobre Quim Zé.


 
Nota: Artigo satírico / humorístico que tem o objectivo de fazer rir. A informação aqui veiculada não corresponde à realidade, é meramente ficcional. Qualquer semelhança com a realidade é apenas coincidência.