Homens tentam descrever o sabor da pachacha das respectivas namoradas

Homens tentam descrever o sabor da pachacha das respectivas namoradas

Pois é, alguns artistas tentaram a todo o custo descrever o sabor das vaginas das respectivas namoradas e o resultado foi hilariante, diga-se desde já. O melhor é veres por ti alguns destes testemunhos…

1. GELADO DE MORANGO

“Sabe completamente a gelado de morango e eu lambo e continuo a lamber até o começar a sentir no queixo”.

2. PRESUNTO

“Juro por tudo que ela sabe a presunto cortado no Dia de Acção de Graças. Exatamente como presunto cortado no Dia de Acção de Graças. É quase como se ela roubasse todos os anos uma fatia de presunto nesse mesmo dia e o guardasse.

3. O MELHOR SABOR DO MUNDO

“O sabor dela é idêntico ao sentido quando um cãozinho te está a dar beijos. Melhor sabor do mundo inteiro”.

4. M3RDA

“Vou usar um nome falso aqui porque provavelmente ela dava-me um tiro na cabeça se me ouvisse a dizer isto mas acho que a minha namorada não é a pessoa mais higiénica do mundo. Ela é linda e tem um corpo incrível mas acho que nunca ninguém a ensinou a limpar-se. Ou talvez lhe tenham dito para se limpar de trás para a frente. Daí o sabor ser idêntico ao do cocó – eu prefiro sinceramente ir deitar o lixo fora do que fazer-lhe sexo oral”.

5. ANTEBRAÇO

“Eu lambi o meu antebraço e sim, é exactamente a isso que a vagina da minha namorada sabe. É como pele com um bocadinho de suor. Nada para vangloriar, certo, mas também não tenho quaisquer queixas”.

6. PEIXE…MAS DO BOM

“Nunca consegui decifrar isto, porque o cheiro do peixe é provavelmente dos menos eróticos no planeta mas talvez existam algumas feromonas super secretas porque quando estou a lamber a minha namorada, parece que estou a dar um linguado ao peixe mais saboroso do planeta inteiro. E eu nem ligo a peixe”.

7. NADA

“Ela sabe a nada. Ou a água. Ou a ar. Não há realmente um sabor. Ela é uma autêntica germofóbica, por isso talvez se lave constantemente ao ponto de me conseguir fazer não sentir nada. Não me estou a queixar, porque podia ser bem pior do que…nada”.