Gwyneth Paltrow dá conselhos sobre sexo anal

Provavelmente conheces Gwyneth Paltrow. Esteve em Glee, em Iron Man e em Avengers Assemble. Também teve uma série de relacionamentos com actores de Hollywood: Brad Pitt, Chris Martin e Ben Affleck foram alguns dos seus namorados.

Agora, há quem diga que ela revelou demasiado acerca da sua vida pessoal e dos seus parceiros anteriores. E tudo porque ela publicou um guia acerca de sexo anal! Mas será isso uma coisa má?

No seu website, The Goop, ela costuma dar frequentemente dicas e conselhos acerca de brinquedos sexuais, lubrificantes, bondage, enfim, um pouco de tudo. Agora, o assunto que veio à baila foi mesmo levar no pacote…

“Primeiro era chocante, depois teve um momento cultural e agora é quase um padrão nos quartos dos casais nos tempos que correm”, disse a actriz.

“Se sexo anal te excitar, definitivamente não estás sozinha. Mas isso não muda o facto de o sexo anal ser o mais arriscado comportamento sexual em termos de transmissão de doenças sexualmente transmissíveis”, completou.

A verdade é que existem estudos feito por psicanalistas que demonstram que 30-40% dos heterossexuais já experimentaram sexo anal. Paul Joannides, um psicanalista envolvido no estudo, explica:

“A pornografia fez desvanecer toda a distinção entre o ânus e a vagina de uma mulher. O ânus não foi concebido para ter um pénis lá dentro; a natureza não esperava que isso acontecesse, tal como aconteceu com a vagina”.

Assim, tornou-se uma prática comum mas ainda há perigos na realização do mesmo. A protecção é importante, bem como o uso de lubrificante!

Na verdade, Gwyneth está a dar conselhos bastante sólidos. Não há que ter vergonha, mas há que ter noção dos riscos e saber evitá-los.