Estudo revela que os homens recorrem ao ciclismo por falta de sexo em casa


Agora as coisas começam a fazer mais sentido. Não é à toa que em Lisboa, por exemplo, vemos imensos homens a praticarem ciclismo com regularidade. Um estudo muito recente conseguiu concluir que os homens recorrem ao ciclismo justamente por terem falta de sexo nos seus lares.

No estudo participaram cerca de 350 homens, em que lhes foram feitos inquéritos acerca dos seus hábitos de desporto e, claro está, dos seus hábitos sexuais.

Os resultados ficaram à vista: 67% dos homens que praticam ciclismo afirmaram fazer sexo apenas uma vez por mês, o que poderá indicar que o ciclismo é um “escape” para este défice de sexo.

Por outro lado, 75% dos homens que praticam natação afirmam fazer sexo pelo menos duas vezes por semana, pelo que se o ciclismo repele, a natação parece atrair o sexo.

Estes foram os casos que mais sobressaíram, sendo que os praticantes de basquetebol, futebol e voleibol, por exemplo, demonstraram ter uma vida sexual muito regular.

Tinhas noção?

Nota: Artigo humorístico que tem o objectivo de fazer rir. Se te riste ou não, é problema teu. A informação aqui veiculada não corresponde à realidade, é meramente ficcional. Qualquer semelhança com a realidade é apenas coincidência.