Estudo revela o que acontece se fumares erva todas as semanas durante a adolescência

Estes estudos chatos adoram irritar os adolescentes e as coisas que eles fazem, não?!

Vemos estudos de tudo. Do tamanho do malaquias, de comidas que não devias comer, de jogos que não devias jogar e de coisas que não devias babar. Agora, surgiu um novo que veio revelar os efeitos que fumar erva regularmente tem num adolescente.

As notícias não são boas para os mais jovens…

A University of Maryland School of Medicine chegou à conclusão de que aqueles que fumam cannabis semanalmente durante os seus anos de adolescente são aqueles que estão mais propícios a desenvolver condições como défice de atenção e até esquizofrenia, bem como até de sofrer de reduções permanentes de inteligência.

O estudo teve foco em jovens entre os 13 e os 15 anos de idade e foi testado em ratos de laboratório (que são, de certa forma, similares aos humanos). O teste consistiu em expô-los a níveis baixos de marijuana durante 20 dias, de acordo com o Independent.

Os problemas que ocorreram nos ratos durante a sua adolescência foram também encontrados na sua fase adulta, inclusive algumas oscilações corticais nos seus cérebros!

Essas oscilações são parte principal dos processos cognitivos e desenvolvem-se durante os anos da adolescência. Assim, aqueles que fumam erva durante o seu crescimento estão potencialmente a causar danos cerebrais que se vão reflectir para o resto das suas vidas.

Vale o que vale, mas é sempre bom estar informado!