Dentista recusa atender paciente que tinha restos de sémen na boca

Foi em Chicago, nos Estados Unidos da América, que um dentista se recusou mesmo a atender uma paciente pelos piores motivos. Alegadamente, a paciente em questão tinha consulta marcada com ele mas surgiu no gabinete com restos de sémen na boca.

John Lavender é o dentista em questão, que explicou à imprensa local que ficou estupefacto quando abriu a boca à paciente para fazer um check-up:

“Ela estava muito estranha assim que entrou no gabinete. Ainda cuspiu um ou dois pentelhos quando entrou mas eu relevei completamente isso, pensei que fosse algum problema diferente. Quando se senta na cadeira e eu começo a fazer o check-up, passei-me.

Ela tinha sémen por toda a boca, e o pior é que parecia fresco. Já perguntei ao homem da recepção o que se passou mas ele não me quis elucidar. Tive de a expulsar…”

Depois de alguma investigação, alegou-se que o recepcionista e a paciente em questão tiveram outro tipo de check-up na casa de banho da clínica, isto momentos antes da consulta.

Surreal. Já não há profissionalismo.

Apostas: Tips Grátis, clica para ver.


Nota: Artigo de carácter humorístico/satírico com o objectivo (raramente atingido) de fazer rir. A informação aqui veiculada não corresponde à realidade. Qualquer semelhança com a realidade é mera coincidência.