7 sinais que mostram que provavelmente, és um génio


 

Todos os dias questionamos a nossa própria inteligência: mesmo que os nossos pais nos tenham dado sempre a confiança de que somos inteligentes, existem sempre colegas de escola, amigos e um ou outro “bully” ocasional prontos para nos fazer questionar as nossas capacidades.

A seguir, indicamos-te 7 sinais que mostram que, caso te identifiques com eles, és um verdadeiro génio. Ora confere…

1. Tens curiosidade por tudo

Quando somos bebés e durante os primeiros três anos da nossa vida, aprendemos o básico dos básicos: a andar, a falar, a cair e levantar, o que é frio e quente, por aí. Acontece que um verdadeiro génio nunca termina essa etapa e continua a interrogar-se de como funciona tudo, procurando sempre uma resposta.

Se és uma pessoa curiosa e que está sempre disposta a aprender coisas novas, então é um sinal claro de inteligência e intelecto elevado.

2. Falas contigo próprio

Se calhar é normal para todos mas alguma vez começaste a pensar em voz alta, como se tivesses a ter uma conversa contigo? Bem, este é outro ponto que significa que és uma pessoa inteligente.

3. Lês muito

As obras de Nietzsche, Schopenhauer, Camus, Tolstoi, Dostoievski, por aí…Se sabes quem eles são, por exemplo, e tens o hábito de te cultivares ao leres muitas e boas obras, então és, possivelmente, um génio.

 

APOSTAS ONLINE - GRUPO PREMIUM

  Telegram: Clica para entrar
 
Facebook: Clica para entrar

 

4. Desafias o teu próprio intelecto

Não estás contente somente com a arte de aprender? Os verdadeiros génios são obcecados em desafiarem os próprios limites e em tentarem ir sempre mais além. És assim? É bom sinal…

5. És esquecido

Um génio não é perfeito. Sobrecarregares o teu cérebro com um conhecimento complexo e passares os teus dias a pensar e a pensar pode ter repercussões. O preço a pagar são os esquecimentos…

6. Vícios

Outro sinal frequente de imperfeição dos génios consiste na sua dependência de substâncias como o álcool ou as drogas. Durante milénios, algumas das mentes mais brilhantes do planeta utilizaram substâncias dessas como mecanismo de sobrevivência, sendo que a outros, era uma maneira de estimular a criatividade.

Uma curiosidade: as últimas palavras de Aldous Huxley foram “LSD, 100 microgramas”.

7. As coisas preocupam-te e pensas demasiado nelas

Porque é que existe a vida? E qual o seu propósito? Quem somos e porque estamos aqui? Para um génio, a vida pode ser complicada e não há respostas para todas as perguntas – provavelmente nunca haverão. E isso pode ser um martírio…